segunda-feira, janeiro 05, 2009

A prova

(Foto de Mauro Pereira da Silva - Campo de trigo)
. para ampliar clique 2x



Esta face marcada de sinais,
é a prova de que não desisti.
Mesmo os barcos vazios,
o carro solitário,
a casa estranha aos meus olhos,
demonstram o quanto
ainda busco Deus.
O rosto talvez não dure
tanto quanto a angústia
de ver a mesma lua,
a mesma cerca,
as praças de minha infância
já amarelada,
que construíram
o homem que sou
ou que não sou.
Mas Deus está em mim,
em mim que sou curto
de paciência,
em mim que grito
e esperneio e digo
que detesto esta cidade.
Talvez a avenida vazia
seja a expressão
mais crua de mim mesmo.

2 comentários:

Noemi disse...

Prezado Mauro

Foi muito bom conhecê-lo e ver seu blog que é muito interessante...
Desejo para você um Feliz Ano Novo.

Noemi

Marta Vasil disse...

Nunca desistir da procura... mesmo que fiquem tatuadas as marcas - bom sentido de vida.

Um abraço

MV